Todos os posts em Notícias

Postado por: Bárbara Ianhes

VEM MÚSICA NOVA! Além de Bebe Rexha já ter anunciado o lançamento de duas músicas novas dia 13 de abril, a era “Expectations” ainda nem começou e já fomos abençoados com um lançamento!

O cantor Ne-Yo anunciou pela madrugada que na sexta feira, 30, lançará uma música em parceria com Bebe Rexha e Stefflon Don.

Entitulado Push Back, a música será o novo single do sétimo álbum do cantor. Sucesso garantido, né?!

Confira:

Há alguns meses atrás, anunciamos que tinha um lançamento com Ne-Yo por vir em sua conta no twitter. Clique para ler o post.

Postado por: Redação

Nos últimos dias saiu a lista dos álbuns femininos mais vendidos em 2018 até o momento e apesar de Bebe Rexha não ter lançado seu álbum ainda, ela entrou na lista!

Bebe Rexha entrou na lista com o seu EP “All Your Fault: Pt 2”, que com 6 músicas, conseguiu vender 104 mil cópias em 2018, ocupando o 8° lugar da lista.

Isso é um grande feito para Bebe Rexha já que o EP e ficou na frente de grandes álbuns.

Confira a lista completa:

1. Camila Cabello – “Camila” – 370,000
2. Taylor Swift – “reputation” – 257,000
3. SZA – “CTRL” – 184,000
4. Demi Lovato – “Tell Me You Love Me” – 164,000
5. Dua Lipa – “Dua Lipa” – 134,000
6. P!nk – “Beautiful Trauma” – 133,000
7. Halsey – “hopeless fountain kingdom” – 128,000
8. Bebe Rexha – “All Your Fault Pt .2” – 104,000
9. H.E.R. – ”H.E.R.” – 85,000
10. Rihanna – “ANTI” – 81,000

Postado por: Redação

Bebe Rexha foi entrevistada pelo Publimetro Perú e fez revelações imperdíveis sobre o lançamento do álbum “Expectations”! Confira:


A cantora de Nova York foi a artista convidada de Katy Perry em Lima. Conversamos sobre sua música e ela revelou detalhes de seu novo álbum.

Bleta Rexha, mais conhecida com Bebe Rexha, é uma cantora de Nova York que começou sua carreira em 2010. Nesse tempo todo na indústria, ela não perdeu sua autenticidade.

“Sou uma pessoa com muita energia e honesta, não tenho medo de ser quem sou”, é como ela se define. Basta ouvir um de seus 3 EPs para ver que é verdade. No último EP, ela pôde se consagrar nos charts mais importantes graças a singles como “In the Name of Love” e “I Got You”.

Depois de entrar em turnê com Bruno Mars no México e ter lançado “Meant to Be”, que chegou a ocupar o número #1 na Billboard Country Songs, Bebe finalizou a Witness The Tour com Katy Perry em Peru, país que visita pela primeira vez.

Bebe Rexha conversou sobre a indústria, artistas renomados e seu novo álbum Expectations, onde está mais honesta do que nunca.

Você abriu para o Bruno Mars no México e agora está abrindo para a Katy Perry na Witness The Tour, o que um artista deve ter para que você aceite entrar em turnê?

Bebe Rexha: Quando algum artista pergunta se eu quero abrir para eles, eu tenho que ser fã. Isso é o mais importante, não que seja um artista renomado. Na verdade tenho que amar a música e ter uma conexão com eles. Amo ambos e disse que sim (risos).

Sobre seus EPs All Your Fault. Por que esse nome? De quem é a culpa?

Bebe Rexha: (Risos) Creio que era do meu ex namorado. Eu estava em turnê com o Nick Jonas e meu ex terminou comigo por mensagem. Estava muito triste. Meu coração estava partido e ele simplesmente sumiu. Me bloqueou de tudo e foi difícil pra mim. Mas me ajudou a escrever músicas.

Sei que escreve muitas músicas e tendo material para um álbum, lança EPs. Por quê?

Bebe Rexha: No início foi importante para mim lançar poucas músicas para que o número de seguidores cresça. Acho que a música muda constantemente. Músicas vindo de todos os lados, todos os dias. É demais. Para mim foi importante lançar assim, tinha que ser simples, que fosse direto ao ponto.

Uma das músicas que mais teve repercussão nas redes sociais foi “The Way I Are”. Que houve na sua vida desde então?

Bebe Rexha: Eu estava em outra gravadora e na verdade, as coisas não estavam funcionando. Eu tinha o cabelo preto e me diziam que eu era emo, que não passava confiança, que dava medo. Lamento não ser a pessoa que vocês querem, a estrela pop. Pra mim é um hino de “Vá pro inferno. Esta é quem sou. Fiquem comigo ou me deixem ir.”

E você segue com esse pensamento?

Bebe Rexha: Até certo ponto, a música é interessante porque tudo é sobre os fãs se conectarem com sua música. Tem momentos que você lança uma música e ninguém gosta. Acho que quando você não tem nada a perder e escreve músicas para fazer você se sentir bem, começa a ter esse pensamento de “vá para o inferno”. É aí que começa a escrever as melhores músicas e os fãs notam. Vêem que escreve músicas honestas e todos começam a se conectar. Por isso tenho esse pensamento de “pro inferno a indústria” (risos).

É difícil ser honesta? Ainda mais nessa indústria…

Bebe Rexha: Não. Não é difícil pra mim seguir sendo quem sou. As vezes honesta demais mas não me importo porque pra mim, o mais importante é dormir com a consciência tranquila sabendo que eu sou eu o tempo todo. Inclusive eu digo o que penso e aceito as consequências.

Sei que você tem uma relação próxima com seus fãs. Em um lançamento, eu tenho que visto que eles dizem coisas como “essa música tem que estar no álbum”. Como lida com eles?

Bebe Rexha: É difícil. Eu sempre os escuto. Meu cd novo tem 11 músicas e eles me dizem “nãooo, mais”. Vai ter 11 músicas e vou lançar outra versão com 3 músicas bônus, assim terão 14, escuto o que eles dizem. Não o tempo todo, mas presto atenção porque quero dar o que eles querem. E eu também quero fazer o que eu quero, assim encontro um balanço.

Como o definiria em 3 palavras?

Bebe Rexha: Expectations… Selvagem, obscuro mas esperançoso. Falo de muitas coisas pessoais, espero que escutem o álbum e não pensem que sou louca. Nesse álbum… bom sempre sou honesta com minhas músicas, mas nesse álbum volto às origens e não estava assustada pra falar sobre saúde mental, cuidados pessoais, tudo de bom e ruim na minha vida. Tudo que passo. É muito honesto.

Quais influências musicais vamos encontrar?

Bebe Rexha: Voltei ao que me inspirava. No Doubt. É mais orgânico, vibe anos 90 com tom urbano. Bom ritmo e onda urbana, é aonde a música está agora mas coloquei coisas que me inspiraram quando era adolescente como Alanis Morrissete, No Doubt, Pink… Acho que muitos estão na onda do hip hop e mundo urbano, o que é genial e amo mas quis tomar um rumo diferente e realmente encontrar eu mesma. Definir quem sou.

Tradução: Vinicius Abreu, equipe Bebe Rexha Brasil

Postado por: Redação

Além de ter ficado em #1 no iTunes US e estar no topo dos charts Country há 17 semanas, Bebe Rexha alcançou a 2ª posição chart mais importante da música, Billboard Hot 100!

“Meant to Be” vem quebrando barreiras e dando uma nova perspectiva a carreia de Bebe Rexha, a ótima posição no chart vai refletir em todos os próximos lançamentos de Bebe, inclusive nas duas músicas previstas para o dia 13 de abril.

Além de ser a maior entrada de Bebe na Hot 100, a música também é a maior entrada do duo Florida Georgia Line no chart.

Orgulho é pouco! Pode entrar, Expectations, venha quebrar mais barreiras!

Status do site

Nome: Bebe Rexha Brasil
Online desde: –/–/–
Equipe: Veja toda a equipe
Versão: 5.0 por Gustavo Franco
Hospedagem: Flaunt.nu

O Bebe Rexha Brasil não possui contato direto ou por terceiros com a Bebe Rexha ou sua equipe. As imagens dispostas em nosso site não são de nossa autoria porém estão sendo utilizadas de forma inofensiva e sem fins lucrativos de forma legal. Caso necessite que algum material de sua autoria seja removido do nosso site, entre em contato conosco antes de tomar qualquer medida judicial.



Nossos últimos tweets

Já deram seus dez vezes diários com as tags? É só copiar e colar: My #TeenChoice for #ChoiceEletronicDanceSong is "Call You Mine" by @TheChainsmokers and @BebeRexha Lembrando que os votos por RT são ilimitados. pic.twitter.com/KvCdks0c5p

Cerca 8 horas atrás from Bebe Rexha Brasil's Twitter


Publicidade



Bebe Rexha Brasil Todos os direitos reservados